Dual Boot SSD UEFI

Bom dia Gente!
É o seguinte, tenho um HD no formato MBR com Linux mint e Windows 10 instalados só que pretendo comprar um SSD e reinstalar os dois sistemas no formato GPT antes de coloca-lo na máquina. Tenho algumas muitas dúvidas sobre como fazer para continuar com o dual boot corretamente e ficaria grato se alguém puder dar uma luz;
1- O mais indicado seria colocar a partição C e a / no SSD juntas ou separadas?
2- Sobre o /boot, tem alguma vantagem em montar uma partição única para ele?
3- Se eu converter esse meu HD de MBR para GPT utilizando o AOMEI partition , ou seja sem perda de dados, e ativar o UEFI boot o meu dual boot atual (sem a instalação do SSD) vai inicializar corretamente?
4- O GRUB deve ser instalado obrigatoriamente no SSD ? considerando que Windows será instalado lá.

Perdão se estiver na categoria incorreta, não achei nenhuma que se encaixasse.

1 prefiro separadas
2 e melhor separar tbm
3 nao vai funcionar pois efi tem o comportamento diferente de mbr.
4 acredito q não seja necessário

1 Curtida

Depende mas como já estar com o Linux instalado recomendo converter dessa forma:
https://www.vivaolinux.com.br/artigo/Convertendo-MBR-para-GPT-com-gdisk

Comigo deu certo, mas tive que dar um refresh no grub com essa ferramenta dessa forma para evitar a tela preta do grub ao iniciar:

“Caso Windows, seja um dos seus sistemas atuais, recomendo que você deve se informar melhor antes de fazer esse procedimento. Transformar um particionamento MS-DOS com Windows envolvido pode resultar em um sistema GPT que não inicializa.”

Não entendi bem o artigo e diante desse alerta prefiro não arriscar, também não vou converter pelo AOMEI como foi recomendado acima. Vou instalar o Windows no SSD que provavelmente virá no formato GPT (me corrijam se estiver errado) e deixar a / e /home do Linux no HD mesmo (MBR). Para escolher o sistema seria só mudar a ordem de Boot pela BIOS correto?

1 Curtida

Só que seguindo esse raciocínio acho que não seria tão necessário assim um SSD no meu caso, pois utilizo muito mais o Linux do que o Windows e deixar só o Windows no SSD não parece um bom negocio

1 Curtida

Tranformar de bios para uefi pode dar merda em qualquer sistema pois o uefi exige uma partição para boot separada.

2 Curtidas

Tem alguma forma de fazer backup de uma partição? No caso seria somente a /home. Pensei em converter para GPT pelo diskpart mesmo, zerando o HD. Aí depois eu ativaria o UEFI boot only e instalaria os dois sistemas em GPT, por fim passaria os arquivos da /home para uma nova partição GPT. Acho que assim a probabilidade de erro é menor

Eu te aconselho a fazer do zero mudar a tabela de partições com arquivos que vc quer nela
, nao sei se da boa não. Tbm nunca testei sempre opto por refazer.

Fazer do zero seria ,por exemplo, eliminar as partições do Linux pelo gerenciador de disco do Windows, converter o HD para GPT e depois reinstalar o Windows e instalar o Linux novamente correto? Isso tudo mudando a BIOS para UEFI boot

Isso mesmo. Eu acho a melhor opção.

Eu colocaria Windows e o Linux no SSD (2 partições) em UEFI/GPT e deixaria um espaço menor para o Windows, (já que tu usa menos) e usaria o HD guardar arquivos e programas mais pesados.
O SSD tanto no Linux quanto no Windows aumenta muito a velocidade de boot e abertura de programas.

2 Curtidas