Driver NVIDIA ainda não compatível com Kernel Linux 5.9+

No dia 16 de Outubro de 2020, a NVIDIA divulgou em seu fórum:

"Devido a um problema de incompatibilidade, aconselhamos os clientes a adiar a atualização para o Kernel 5.9+ até meados de Novembro, quando uma atualização do driver de GPU NVIDIA com suporte para Kernel 5.9+ deverá estar disponível.

Kernel 5.9+ é incompatível com drivers GPU NVIDIA atuais e anteriores. Aconselhamos os clientes a adiar a atualização para o Kernel 5.9+ até meados de Novembro, quando uma atualização do driver NVIDIA GPU com suporte para Kernel 5.9+ deverá estar disponível. A NVIDIA está ciente do impacto que isso terá nos clientes e estamos trabalhando diligentemente para fornecer a atualização do driver com suporte ao Kernel 5.9+ o mais rápido possível.

Os clientes devem usar nossa próxima atualização de driver no Kernel 5.9+ para ter um driver totalmente funcional."

Portanto, usuários Rolling Release até meados de Novembro, o Kernel 5.9 não usará NVENC.

Fonte:


5 Curtidas

Considerando que o recente drive na versão 455 está todo bugado e o 450.80 está apresentando problemas de audio pela saída HDMI melhor esperar até um pouco mais, e ficar com um kernel inferior e o 450.60 que está bem ok no momento.

1 Curtida

Chegou hoje, no Rolling Release “openSUSE Tumbleweed”, atualização de sistema que irá instalar o kernel 5.9.

Aos usuários Rolling Release que usam NVIDIA, “NÃO atualizem para o novo kernel”, pois o driver de GPU NVIDIA ainda é incompatível com o kernel 5.9.

Quem atualizar o kernel, ficará sem o suporte do driver proprietário até meados de Novembro.

2 Curtidas

Nas notícias do Arch Linux, eles recomendam os usuários
que precisam rodar todas as funções do NVIDIA, devem
usar o Kernel LTS…

Assim, vocês não precisam deixar de atualizar os pacotes.

Além disso, os devs do Arch disseram o seguinte:

Embora os gráficos devam funcionar bem, CUDA, OpenCL e provavelmente outros recursos estão corrompidos. Usuários que já atualizaram e precisam desses recursos são aconselhados a mudar para o kernel linux-lts por enquanto até que uma correção para nvidia esteja disponível.

3 Curtidas

Continua não compatível para placas antigas, e assim será. Quem precisa ficar nos drivers 340, 390 ou 418 não terá como utilizar o driver proprietário com versões de kernel acima de 5.9.

Fui instalar o Manjaro no meu notebook, com uma GT 740M, e recebi essa “maravilhosa” surpresa. Parece que apenas a Canonical está buscando alternativas para contornar isso.

Só tenho a dizer “NVIDIA, F*** YOU!”.

3 Curtidas

Mais um que logo largará a nvidia XD

1 Curtida

Os drivers 340 e 390 não são mais suportados pela NVidia, o suporte acabou.

1 Curtida

Sim, sei disso. E esse é o problema. A GT 740M é uma placa Kepler, de 2013. Meu notebook é de 2014/2015. Vi tópicos de gente comprando esse modelo ainda em 2016. É revoltante que tenham cortado o suporte tão cedo. Os drivers de Windows também não recebem atualizações, mas no GNU/Linux vira essa bomba aí com atualizações de kernel.

As placas Kepler de desktop ainda recebem atualizações, mas o pessoal que tem precisa abrir o olho. Logo cortam o suporte também.

No meu desktop, com uma placa de 2018, até que funciona bem, não tenho do que reclamar. Meu notebook, por outro lado… Ele não é tão antigo. Esse negócio do suporte esgotar para kernel acima de 5.9 e apenas “lamentarem” me deixou indignado.

Nunca fui fã da Nvidia, mas não tinha essa visão que tenho hoje naquela época quando comprei o hardware. Eu nem usava GNU/Linux, comecei neste ano. Nunca mais eu compro qualquer coisa deles.

2 Curtidas

Os dev lançam 5 versões por ano sem se preocupar com compatibilidade, da nisso.

1 Curtida

Então, eu comprei meu hardware pensando no Windows. Nunca tive problema lá. Mas aí entrei pro mundo Linux, e começou esse negócio todo. Não vou voltar a usar Windows, então o jeito é ir pra AMD, enquanto não surge uma Gpu intel, haha.

2 Curtidas

Também comprei pensando no Windows. Eu não entendia nada desse mundo GNU/Linux até o começo deste ano, quando comecei a pesquisar com real interesse de usar… Se soubesse, não teria comprado hardware Nvidia. Na verdade, isso não reduz o erro, de qualquer forma, porque as práticas de mercado da Nvidia sempre foram toscas. O ideal sempre foi evitar.

Vou me aventurar aqui com o driver Nouveau no Manjaro mesmo e esquecer os jogos nesse notebook… Vamos ver como vai funcionar. Não tive boa experiência com o Nouveau antes (meu notebook é de alumínio e o Nouveau, por não gerenciar o estado de alimentação da placa corretamente, fazia superaquecer a ponto de conseguir fritar ovo na região ao lado do touchpad). Quem sabe agora está melhor… Ou serei obrigado a dar downgrade no kernel para usar o driver proprietário.

Dependendo, ainda corro o risco de voltar para o Windows 10 nesse notebook.

2 Curtidas

No Manjaro, vai de 5.4 e usa o proprietário, esse kernel ainda tem bastante tempo de suporte

3 Curtidas

Tem certeza que não funciona? Poder ser algum bug do Manjaro para variar.
A incompatibilidade do kernel 5.9 era com algumas coisas específicas, como o Cuda.

Em todo caso, se seu hardware é mais antigo, não precisa de um kernel tão novo assim, use as versões LTS. Ele recebe todos os bugfixes das versões posteriores.

image

3 Curtidas

Não faça isso! Melhor fazer um downgrade de kernel e driver do que um de sistema operacional.

2 Curtidas

O 5.4 LTS recebe atualizações de segurança até 2025, pra ser mais exato.
É inclusive a recomendação do upstream do Manjaro, o Arch.

Também me pergunto isso. OpenGL e Vulkan ainda devem estar funcionando, o problema nesse caso seria criação de conteúdo (CUDA e NVENC não funcionando).

2 Curtidas

Bom, pesquisando aqui, a incompatibilidade era apenas com o CUDA e o OpenCL. E ambos foram corrigidos no 455 em novembro.

RELEASE HIGHLIGHTS

  • Added support for the following GPUs:
    GeForce RTX 3060 Ti
    *** Kernel 5.9 support**
  • Fixed a bug in a Vulkan blending optimization that could produce incorrect results. Some of the Vulkan titles affected by this bug were:
    Life is Strange 2
    Shadow of the Tomb Raider
  • Fixed an issue that caused Vulkan swapchain creation to fail for full-screen windows when a G-SYNC monitor is connected.
2 Curtidas

Eu até cheguei a fazer isso… Mas desanimei porque achei que seria meio triste usar uma distro rolling release e ser obrigado a ficar preso a um kernel cada vez mais antigo, com tanta coisa legal surgindo. :confused:

Sim, tenho certeza. E sim, não funciona. Quem atualizou para o 5.9 usando os drivers antigos que mencionei ficou sem vídeo. E, se formatar agora, nem sequer é possível instalar mais, apesar dos drivers estarem presentes nos repositórios. Inclusive os desenvolvedores do Manjaro se posicionaram a respeito e disseram que não haverá suporte. Planejam também remover os drivers antigos. A discussão se encontra neste link: Dropping all legacy and older Nvidia drivers ?!? - Graphics & Display - Manjaro Linux Forum

Não acho ele tão antigo assim… Não a ponto da Nvidia já derrubar o suporte, vez que as versões de desktop com a mesma arquitetura continuam com suporte.

Pelo que pesquisei, a Canonical parece estar buscando uma saída. Queria ir para a base Arch e usar o Manjaro para variar. Mas acho que voltarei ao Ubuntu. Se não resolver por lá, acho que terei que usar o Windows mesmo…

A GT 740M só suporta o driver 390. Teoricamente acho que deveria suportar o 418, mas nunca funcionou direito aqui.

1 Curtida

Por isso usar o kernel 5.4 LTS. Você não ganha nada com kernel novo, usando um hardware mais antigo.

Inclusive é uma recomendação do arch.

1 Curtida

Gente o kernel Linux old tem suporte por 5 ou 6 anos alguém pode confirmar?
Usa rolling release quem quer porque pode continuar usando ate acabar o suporte de 5 anos.
E dps ainda parte para o Nouveal.
A Nvidia libero documentação das GPU para ajudar o Nouveal não ficaram sabendo?
Pelo visto eles apoia o projeto Nouveal.
So que quando chega a usar o Nouveal a GPU esta muito obsoleta precisa é comprar uma nova desempenho muito fraco para os novos jogos roda nem no low.
Larga o osso pó…
Tem carne boa no mercado e quer roer osso.

1 Curtida

@aguamole O Nouveau é construído essencialmente por meio de engenharia reversa e a documentação liberada pela Nvidia é (e continua sendo) mínima. Não há qualquer apoio decente, e por isso depois de tanto tempo após esse anúncio o Nouveau continua sendo problemático. Não é culpa dos desenvolvedores, mas sim da Nvidia. Não é à toa que ela é tão mal vista pela comunidade GNU/Linux. Se ela quisesse realmente ajudar, bastaria liberar documentação adequada, como a AMD (que também fornece drivers proprietários) faz.

A GT 740M é um chip gráfico lançado em 2013 e comercializado em laptops até 2015/2016. Imagine comprar um laptop e pouco mais de quatro anos depois cessar o suporte ao kernel Linux? Como você se sentiria? Pois é… E nada justifica isso, porque a Nvidia ainda mantém extensivo suporte a diversas placas de mesma arquitetura (Kepler). Defender esse tipo de atitude da Nvidia não faz sentido mesmo fora da comunidade open source: a placa não é tão antiga e não se trata de “roer o osso”. Esse seu comentário não foi legal. A Nvidia não oferece suporte simplesmente porque o market share do produto foi pequeno.

O desempenho do Nouveau é baixo e, no caso de quem tem notebooks híbridos (com Intel HD Graphics e placa de vídeo dedicada Nvidia), não há suporte à seleção de processador gráfico em modo PRIME como o driver proprietário oferece. Além disso, o driver não controla o clock e o fornecimento de energia da GPU corretamente. Basicamente, ao usar o Nouveau em um notebook híbrido, seu chip gráfico dedicado vira um fragmento de hardware sem utilidade que apenas aquece e torra a bateria mais rápido. Não é só questão de ter desempenho em jogos (eu raramente jogo nesse computador e esse chip gráfico nunca foi feito para isso), é questão de usabilidade. Pensar que o Nouveau pode substituir o driver proprietário é ser esperançoso, principalmente no caso desses notebooks híbridos.

Se eu optasse por usar o kernel antigo, ficaria no 5.4 LTS até acabar o suporte (ou até cansar do computador). Já estamos indo para o 5.10. Logo será o 5.11, depois o 5.12, depois o 5.xx… Resumindo: esqueci o rolling release (não faria sentido) e voltei ao Ubuntu 20.10, que está atualmente usando a versão 5.8, e darei uma chance à Canonical que, segundo diversos comentários que encontrei, parece já estar buscando soluções para o problema antes que ele ocorra em futuras atualizações. No Arch alguém parece já ter feito isso, mas a solução não pode ser implementada porque interfere na licença do software proprietário da Nvidia (mais um motivo para não ficar defendendo essa empresa).

Ou seja, a Nvidia não é capaz de fornecer suporte, mas algum programador qualquer da comunidade conseguiu resolver em um estalar de dedos e não pode publicar a solução abertamente por conta de uma barreira de software proprietário.

3 Curtidas