Como seria a interface perfeita?

Desafio? Topado. Vamos descobrir se esse será o nascimento de uma nova obra de arte. Ou não.

Questão de opinião. Gosto é pessoal. Eu, por exemplo, detesto o Gnome e não gosto do KDE…
E como só existem dois tipos de gosto, o Meu gosto e o Mal gosto…
Eu não discuto. :innocent:
hehehehehe

Eu sincermente não consigo entender como você não gosta de um ou do outro.
De todo modo, com pensamentos semelhantes que esses outros ambientes aí que temos hoje em dia surgiram.

1 Curtida

Pois é… posso alara exatamente a mesma coisa. " sincermente não consigo entender como você não gosta" do XFCE. E que bom que existem outras opções.

Para ser sincero, eu utilizei algumas flavours aí no mercado e ainda não me encontrei satisfatoriamente, apesar de achar que, no meu caso, o Ubuntu com Gnome tem tudo para ser a distribuição ideal, mas no dia a dia ele deixa um pouco a desejar por questão de desempenho mesmo.

Nesse sentido, continuo experimentando os vários sabores até que eu me encaixe em um.

1 Curtida

Sobre o Ubuntu… Ao menos quando vejo a versão atual, olho para aquela área de trabalho e acho ela uma obra de arte. Muito bonito. As cores combinam muito bem, mas o desempenho desconheço totalmente.

Ah, sim! Uma obra de arte, sem dúvidas.

Para um hardware modesto como o meu, ele engasga em alguns momentos. Mas é aquela né, vai depender muito de sua configuração.

No Ubuntu principalmente o maior problema é que ele vêm cheio de coisa rodando por baixo. Muitas vezes se consegue um desempenho superior em outra distribuição com as mesmas customizações da distro anterior sem o uso daqueles serviços que vêm por padrão, que a pessoa desconhece e nem usa.

1 Curtida

Se não fosse um tutorial do Dio ensinando a desabilitar alguns serviços que acompanham o arranque do sistema, talvez seria um pouco mais difícil de utilizar por um período maior de tempo. Por exemplo, serviço de impressora, sendo que nem impressora eu tenho.

Tá ai ó, para mim ta bom, para você talves não esteja, gosto é gosto e não se discute.

2 Curtidas

Perfeição é arch com KDE e.

3 Curtidas

Use este cursor de mouse. Combina mais com esse painel preto.

Uma interface gráfica perfeita, seria mesclar os recursos do HUD, do Dock e do menu global do Unity, com um gerenciador de janelas que fosse bonito, mas sem ser pesado, junto de um menu de aplicativos novo, feito do zero, que lembrasse a tela Iniciar do Windows 8.1 (customizável o papel de parede e cores, widgets interativos, menu de aplicativos no lado esquerdo aberto (como era na primeira versão do Windows 10), e a beleza do KDE no design dos ícones (o tema/Pack de ícones do Breeze é muito bonito), e na área de trabalho, se você puxar a tela para a direita, exibisse as áreas de trabalho.

Tá bonito, mas longe de ser perfeito.

Essa discrepância na área de notificação me incomoda demais.

Acredito que a interface ideal seria algo parecido com o que o Rainmeter proporciona para o Windows, porém um pouco mais polido.
Interfaces COMPLETAMENTE customizáveis ao seu gosto, criatividade e/ou necessidade.
Se existisse algum DE para Linux que fizesse este tipo de trabalho, tenho certeza que viraria xodó dos usuários… rs

Para mim, a interface ideal tem que se preocupar com alguns pontos:

  • Ser altamente customizável;
  • Intuitiva;
  • Ter desde opções básicas até as avançadas;
  • Leve, ou com possibilidade de otimizações que tornem mais leva;
  • Ter atalhos, depois de algum tempo usando uma interface se espera conseguir fazer tudo de maneira mais rápida, atalhos são uma forma muito boa de otimizar;
  • Guiar novo usuários, ter um botão de ajuda por exemplo, uma boa documentação, um tutorial se for o caso.

Achei que só incomodava a mim :crazy_face:

1 Curtida

Para mim, uma interface ideal precisaria ter todas essas características juntas:

  • Usabilidade do Gnome. Exemplo: Quando você pressiona a tecla super e aparece os programas abertos + as áreas de trabalho do lado direito.

  • O “menu” de aplicativos do Gnome

  • O blur, os efeitos e as várias opções de customização do KDE Plasma

  • O menu global do Ubuntu MATE

  • A beleza, a dedicação e a coesão visual do Deepin, Elementary OS, OSX (MacOS), etc.

  • Uma Dash de aplicativos :stuck_out_tongue_winking_eye: :joy:

E… acho que só :thinking: :slight_smile:

2 Curtidas

Sem querer você descreveu o Deepin :sweat_smile: só o menu global que não é nativo.

Me lembrou que você ficou na luta para o instalar e acabou não conseguindo. :pensive:

Quase todos os dias eu procuro algum motivo para trocar de distro, só pela compulsão de ficar formatando e configurando tudo, mas o Deepin não deixa, sempre tento encontrar um problema, mas não acho :sweat_smile:

1 Curtida

Acabei usando o Fedora com o DDE, mas não é a mesma coisa…