Como funciona a atualização dos sistemas LTS?

ubuntu
#1

Quando uma nova versão LTS é lançada, como funciona? Por exemplo, eu uso o Ubuntu 18.04lts, ai lança o 20lts, como seria o processo pra instalar a versão 20? Eu precisaria formatar o PC e colocar a versão 20? O kernel seria substituído automaticamente tirando a versão anterior? O motivo dessa pergunta é que eu comecei a usar o Linux do final do ano passado, a partir da versão 18.04lts do Ubuntu, então nunca vi uma atualização LTS.

0 Likes

#2

Os lançamentos de LTS seguem um clico e, sempre, começa com número par e terminal com o número 04. Se não tem essas características NÃO é LTS. Por exemplo, depois da 18.04 vão ter, mais ou menos, três versões de teste (como um beta e com suporte limitado em 6 meses para cada versão) para chegar na 20.04, que são: 18.10, 19.04, 19.10 e, finamente, a versão final LTS 20.04 (note que ela começa com número par e termina com 04). Quando uma LTS vai recebendo atualizações importantes para o sistema, costuma aparecer outro número no final, a atual está como 18.04.2. Note que esse 2 significa duas novas builds com atualizações relevantes após o primeiro lançamento. Ai a Canonical e, todas as distros também fazem isso, muda o nome da versão e a iso para incluir essas melhorias direto. Continua sendo a 18.04, porém a iso foi atualizada. Deu para entender?

A Canonical lança uma versão LTS (long term support) a cada 2 anos. E em média o suporte de cada uma é de 5 anos. A versão 18.04 terá suporte de 5 anos + 5 para questões de segurança, se não estou enganado. Funciona assim, a versão é lançada e em até três anos ele recebe atualizações, digamos, completas, hardware, melhorias, updates de segurança etc. O último ano da LTS, costuma receber apenas suporte de segurança, se não estou enganado. Tem um tempinho que não uso Ubuntu. Estou usando o Debian puro.

Respondendo a sua pergunta da troca, não. Não é necessário trocar de LTS quando uma nova for lançada, apenas se a versão que você tem não tiver mais suporte. Por exemplo, atualmente, a Canonical mantém três versões LTS, a 14.04, 16.04 e 18.04. O suporte da 14.04 acaba agora, esse mês se não estou enganado. Quem usa ela é melhor migrar para alguma das que tem suporte, que são a 16.04 e 18.04.

O Kernel também tem versões LTS. Se quiser conferir, olha o site do desenvolvimento do Kernel aqui: www.kernel.org E ele é atualizado constantemente. Se você ficar de olho nos pacotes que atualizam no seu sistema, vai ver que, eventualmente, encontrará uma atualização do Kernel.

Ah, veja o gráfico dessa página que vai te ajudar muito: https://www.ubuntu.com/about/release-cycle

Enfim, espero ter esclarecido sua dúvida. Qualquer coisa posta ai que a gente tenta ajudar.

1 Like

#3

Assim, parcialmente respondido, eu não me expliquei direito também, eu com certeza vou mudar para a próxima LTS do ubuntu quando ela lançar, e pra isso eu vou precisar formatar ou vai ser uma atualização que já vai deletar as coisas antigas e substituir pelas novas pra mim?

0 Likes

#4

É porque você fez várias perguntas, devo ter esquecido de responder todas. :smiley:

Você pode fazer pelos dois modos. Pode baixar a iso nova e reinstalar o sistema. Ou pode fazer um upgrade da versão atual. Lembrando que, se fizer o upgrade, você pode encontrar algum problema, bug ou instabilidade que terá que corrigir, então, só recomendo esse método para quem tem paciência de ler e resolver um eventual problema no processo de upgrade.

Minha opinião: não acho necessário sempre que sai uma nova LTS, você trocar para a mais recente. A versão anterior ainda vai ter suporte. Eles costumam manter três versões com suporte ao mesmo tempo. Sendo a mais antiga, sempre no final do tempo de suporte e mais com updates de segurança. Eu cheguei a usar uma LTS por três anos direto, sem reinstalar nem nada, sem grandes problemas. Foi a 12.04, lançada em 2012, usei até meados de 2015. Depois acabei mudando de distro. Com o lançamento de 14.04 e 16.04, tive problemas com ambas e acabei desistindo Ubuntu, porém, gostava bastante da versão 12.04.

2 Likes

#5

Entendi! Muito obrigado pela atenção.

0 Likes

#6

De nada.

Se quiser fazer um teste, baixe a versão 14.04 ou a 16.04, instale no VirtualBox e atualize para versão mais recente. Na internet e, no DioLinux, tem bastante material explicando como fazer isso. Só para você ver como funciona, é legal mexer com essas coisas, você sempre aprende algo novo.

3 Likes