Com qual distro você iniciou no mundo Linux?

Eu demorei uns dias pra me conformar, pois na época eu trabalhava com Birot e salvava os projetos dos clientes como:cartões de visita, folders, notas, logos e etc. junto com as fontes em disquetes 1.44" e uma semana antes eu tinha resolvido colocar tudo dentro do meu imenso hd de 13 GB rsrs e depois organizar tudo em CDs.
Imagina? Foi isso mais ou menos que perdi…

2 curtidas

Meu primeiro contato com o mundo linux foi através de um cd do Ubuntu 9.04 que ganhei numa das edições da Bienal do Livro do RJ. Desde então ficava fuçando um pouco o sistema, mas só na live, sem instalar de fato no computador. Depois fiquei bastante tempo sem usar, até 2017, quando comecei a me irritar profundamente com o Windows instalado no meu notebook.

Foi aí que decidi mergulhar definitivamente no lado linux da força, fazendo dualboot do Windows com o Linux Mint (acho que 16.04) até em 2018 abandonar definitivamente o Windows.

Foi então que caí naquela armadilha de ficar mudando de distro, usei Ubuntu, Xubuntu, Neon, Debian, Deepin, Manjaro até parar no Ubuntu novamente, versão 18.04… Atualmente uso a versão 19.10 e já andei testando a 20.04 no virtualbox e estou ansioso pelo lançamento oficial.

1 curtida

Minha primeira distro foi o kurumin em 2005, minha primeira impressão foi que negócio estranho e diferente kkkk… tive muitas dificuldades para me acostumar que já era um usuário de windows xp que na minha opinião até hoje foi o melhor sistema operacional da microsoft até hoje não gostei de mais nenhuma da microsoft… eu achava incrivel o kurumin por que foi o primeiro sistema operacional que usei que não precisava instalar para usar, achava muito show pode abrir um hd de cliente copiar os arquivos para fazer backup numa tranquilidade, e formatar e passar os arquivos de volta… ai me distanciei um pouco durante alguns anos voltei a usar 6 anos atrás e não uso mais windows instalado no hd da minha casa desde de então.

atualmente uso debian acho que é bem leve até mesmo com interface gnome, muito mais bonita (na minha opinião) do que as outras interfaces embora eu não fuce tanto no sistema em si gosto dele para programar (html,css,javascript, php e mysql), fazer servidor DHCP, DNS, Web e jogar uns joguinhos da steam kkk.
abraços…

2 curtidas

Eu comecei usando o Kurumin, depois passei a usar o Ubuntu, deixei o Ubuntu de lado pra testar o Fedora depois do Fedora fiquei um tempo no Debian, agora hj uso distros que gosto muito que é o Slackware 14.2 e Xubuntu 20.4.

1 curtida

Minha primeira distro foi Mint, depois migrei para Deepin e hoje Ubuntu

1 curtida

Conheci Linux lá pra 2000 e sei lá, quando o jornal O Dia começou a falar do Kurumin (o primeiro, Debian + Knoppix). Aí fui fuçar no site do Morimoto, baixei a ISO por conexão discada e gerenciador de downloads (nem imagino como deu certo, mas o sistema carregava no CD!) - mas como era desktop com modem costumada dar uns pau sérios. Aí conheci o Ubuntu e - na época dava aulas, hoje sou jornalista - e mandei vir pelo correio os CD’s. Um monte deles! Ubuntu, Kubuntu e uns Edubuntu, que tbm só testei, pavor de dar problema e perder minhas coisas no XP… aí, ano passado, após o W10 atualizar e travar meu lap carroça (um Compaq CQ 23 com Celeron Duo), apelei pro Mint Cinammon 19.2. E me adaptei, mesmo dando uns erros doidos (o sistema instalou sem swap e travava sempre) - troquei pra XFCE, não curti, fui pro MATE e gostei pacas. Troquei a máquina e fui pro Ubuntu MATE 18.04, já que o Mint MATE não quis instalar no Dell (tem tópico!) e tá rodando suave! Só uso W10 pela Adobe, Virtual DJ e pelos plugins da Waves, que uso no Sound Forge. Mas pro resto prefiro Linux, sempre, tá tudo muito mais rápido!! :wink:

5 curtidas

Em 2012 eu tinha 16 anos e gostava muito de fuçar em computadores, não sei onde nem como eu acabei descobrindo o Ubuntu e instalei num PC que não instalava o Windows. Mas eu não tinha gostado do Ubuntu e depois de formatar o HD com ele consegui instalar o Windows novamente. Em 2018 entrando na faculdade vi alguns Pcs com linux e decidi testar novamente, foi quando vi videos do Diolinux e conheci o Linux Mint. A partir dai entendi melhor o que era linux e fui testando até começar a usar o Xubuntu. :grin:

2 curtidas

vou dizer a verdade
a primeira vez que toquei no linux foi na caixa mãgica onde eu só conseguia jogar super tux
á alguns dias instalei o linux mint,deu erro
instalei o lubuntu e não tem dark mode por causa do lxqt que é meio bugado
estava a pensar em instalar o puppy linux mas como ando a aprender musica decidi instalar o ubuntu studio

2 curtidas

Testei o ubuntu studio e acho ele bem completo e que vais gostar… Percebi que tu focou nas distros mais leves, então, caso queira algo mais enxuto recomendo testar o xubuntu e instalar apenas os programas que você precisar :slight_smile:

Eu iniciei na base dos live CDs, pois tinha receito de fazer besteira com o meu computador na época. Comecei com o Mandriva Move e depois com o (belo na época) Dreamlinux. Mas a minha primeira instalação foi Mandriva One 2009.1, passando depois para Ubuntu 9.10

eu começei com Linux Mint 18 com KDE,eu usava ele em um notebook sem HD, usei durante 3 messes, e olha, Como eu amei linux neste periodo, e até hoje uso Linux Mint gar na versão 19.3, e uso com Gnome com tema de Mac classico kkkkkkkkkkk

Eu comecei com o Lubuntu, 17.10 se não me engano

Comecei com o CentOs.

Comecei com o Mint Cinnamon 19.1, em março do ano passado.
Desde então, passei pelo Kubuntu 18.04 e 20.04 e agora estou com o Pop!_OS 20.04.

1 curtida

A primeira distro que tive contato foi uma chamada Kalango Linux kkk e a primeira revista que comprei foi a do Gentoo, infelizmente não a tenho mais (gostaria de achar pelo menos os PDFs para baixar) tudo isso por volta dos anos 2000 (bons tempos)

1 curtida

Kurumin mas como ele já estava em seus últimos suspiros, então Ubuntu 8 Hardy Heron

:pray:t2:

2 curtidas

A primeira distro que eu instalei foi o Lubuntu 18.04 LTS. Mas eu desinstalei dois dias depois, pois não me adaptei muito ao LXDE. Depois eu instalei o Linux Mint 19.1, que foi a distro que me fez ficar mesmo no Linux.

1 curtida

Minha absolutamente primeira foi o Kurumin. Provavelmente o 7, não tenho certeza porque foi quando eu tinha menos de 7 anos de idade. Lembro que o boot era parecido com a BIOS do computador só que com um Tux no lugar da logo da BIOS.

Outra que eu também usei foi um que tinha um papel de parede de um leão branco bocejando mas eu não lembro qual distro era aquela. Só que usava GNOME 2. Se mais alguém tiver usado uma distro que iniciava no modo live com um papel de parede com um leão branco bocejando, me diga qual era porque é um dos mistérios da minha infância que até hoje estou tentando solucionar. Outro era qual era aquele jogo schmup que eu jogava que vinha em uma revista com CD, possivelmente da Digerati

3 curtidas

Esse wallpaper tem no Mac OS X 10.7 Lion, então alguma distro estilo o Elementary OS deve ter se inspirado nele. Poderia até ser uma das primeiras versões do Elementary OS(mas o Elementary OS não usa Gnome…), ambos são de 2011…

Esse já é difícil pesquisar pois são “zilhões” de games shmups. Depois que a Atari, os jogos para o console dela, “bancaram” uma de Google Play Store na época, daí esses jogos começaram a infestar o mercado, no bom sentido claro.

com o ubuntu, lá em 2009 (se não me engano), com meus 10 anos, eu tinha um computador com esses monitor

o hardware dele eu não tinha ideia, eu só sei que ele tinha 512 megas de memória ram acho

acabei entrando no mundo linux meio que por obrigação, numa lan house aqui perto eles vendem cd de qualquer distro linux por 5 reais e CDs do Windows por 30 (inclusive até hoje eles vendem CDs de Linux por 5 reais), eu não tinha 30 reais pra poder pagar no cd na época e precisava de alguma coisa pra fazer meu vício (o computador) voltar a funcionar, acabei pedindo um cd “do Linux” (até hoje eu me lembro na época o cara me perguntando de qual Linux que eu queria e eu “quais existem? ubuntu, fedora…!”, “qual a mais famosa? ubuntu” “é esse mesmo que eu vo levar!”), resultado, fiquei 2 anos no Ubuntu (eu tive uma “recaída” e acabei voltando pro windows xp, mas o ubuntu acabou me salvando de novo de algum outro estrago que eu tinha feito na época)

4 curtidas