Bloqueio do Chrome após formatação

Fui testar o Neon Instável, coloquei minha máquina para iniciar na Bios pela interface gráfica e depois disso não funcionou mais… tive que por um pendrive de recuperação, e instalar novamente o Grub.

Depois disso, meu Google Chrome tá boqueado, não abre, não desinstala via discover, nem linha de comando… aparece essa mensagem, mas não sei como proceder!

1 curtida

:wave:t2:

No terminal, digite o comando ps -ef|grep chrome para vermos o resultado se aparece algo do Google Chrome e seu pid.

:vulcan_salute:t2:

2 curtidas

@frc_kde saberia me ajudar aqui?

1 curtida

Isso já me aconteceu, pelo menos 1 vez:

Eu tinha aberto o Chrome na sessão Live do MX Linux – e depois de instalado ele se recusou a iniciar, alegando que já estava aberto – ou que havia outra “sessão do Chrome aberta” (alguma coisa assim).

Não tentei desinstalar o Chrome, mas é possível que também não permitisse.

Encontrei esse registro:

O Chrome disse que meu perfil estava em uso em outro computador — um caso de excesso de persistência, digamos assim. — Bastou desbloquear, e restaurar a sessão anterior do Chrome.

Não consigo lembrar como resolvi, nem encontrei detalhes da solução nas anotações, mas penso que “perfil” / “profile” seja a palavra-chave.

1 curtida

Ele nem abre, não sei o que fazer.
Já tentei desistalar e não vai; já tentei “sudo apt purge google-chrome-stable” e nada.

Acho que é apagar uns arquivos de nome Singleton na pasta de configurações pessoais. Tá explicado aqui:

1 curtida

Depois de muita luta ele finalmente funcionou; fiz 3x até que funcionou.
https://pt.linux-console.net/?p=13897#google_vignette

Nem sei se foi esse o tutorial que funcionou, mas conseguir… obrigado a todos!

2 curtidas

:wave:t2:

Legal que resolveu :smile:.

Mas caso precise com outra aplicação, o comando que iriamos tentar caso ainda não tivesse conseguido resolver seria:

sudo kill -9 pid (process indentifier)
ou seja
sudo kill -9 7525 28755 (pois apareceram 2 linhas contendo chrome)

Explicando sobre o comando ps -ef | grep chrome:

  • ps = lista os processos
  • -e = mostra todos os processos de todos os usuários;
  • -f = mostra os processos em sua forma completa;
  • comando 1 (ps -ef) | comando 2 (grep chrome (ou nome de outro processo)) = Pega o resultado do comando 1 e passa para o comando 2;
  • grep = procura linas contendo um padrão;
  • nome do processo (chrome) = Nome do processo que o grep irá procurar a partir dos dados reunidos no comando 1 (ps -ef).

Depois de executado o comando sudo kill -9 pid, ae tentaria desinstalar o aplicativo.

:vulcan_salute:t2:

1 curtida

Este tópico foi fechado automaticamente 3 dias depois da última resposta. Novas respostas não são mais permitidas.