Apple diz para Telegram deletar três canais, ou então...

E tirar das pessoas a possibilidade de usá-lo para mudar a política do seu país? Por birra?

É Belarus, mas ninguém usa o nome certo.

OFF: Já que o tema aqui é Bielorrússia, gostaria de sugerir a excelente banda bielorrussa (Já extinta) Lyapis Trubetskoy.

2 Curtidas

Neste URL aqui diz que o nome Belarus só é usado para fins protocolares, mas mesmo com o país tendo mudado seu nome oficial, o nome em português oficial é Bielorrússia mesmo (com dois R): Bielorrússia e Belarus - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa

A Apple está obrigando o Telegram a remover os canais sob ameaça de banimento da App Store. Os canais vão ficar indisponíveis de um jeito ou de outro, então que o Telegram remova o app do ecossistema como retaliação. Isso está longe de ser birra. A possibilidade de usar o Telegram em um Iphone para mudar a política do país já foi morta pela Apple, cenário este que pode ser revertido dependendo da repercussão do caso, mas até isso beira ao impossível levando em consideração as políticas de operação da Apple.

1 Curtida

Na chamada “Primavera Árabe” que redes sociais alternativas mesmo os manifestantes usavam? Não me lembro mais.

1 Curtida

Eventos do Facebook e muito Twitter

1 Curtida

Pensei que eles houvessem utilizado também alguma rede não-mainstream.

1 Curtida

Se me lembro, não. É que o FB vai ganhar esse teor mais político justamente em 2013, tanto no norte da África e Oriente Médio quanto aqui no Brasil (“Jornadas de Junho”). O Twitter foi um pouco assim, tanto que os atos aqui no Brasil foram inicialmente transmitidos por Twitcam, na época o Face não tinha transmissão ao vivo, seria lançada logo após. E diversos países passaram a limitar de alguma forma tais redes, não foi só na China (no caso dos guarda-chuvas em Hong-Kong)

1 Curtida