2 perguntas 1 sobre hardware e outra sobre windows

1: vale a pena trocar um Intel® Core™2 Duo Processor E7400 para um Intel® Core™2 Extreme QX6850

2: tem como instalar o DirectX 12 no Windows 8.1 Pro N

Boas vindas ao fórum :wave:

Pelo que pesquisei, você vai sair de um processador 2c/2t de uma litografia de 45nm para um processador de 4c/4t sem nenhum núcleo lógico e na litografia de 65nm. Por mais que núcleos físicos sejam mais importantes que os lógicos, visto que eles que irão enfrentar “mesmo” a carga, não acho que será tão grande a diferença. Se for viável, um i3 6100 já coloca esses dois no chinelo (Skylake foi uma boa micro arquitetura).

De acordo com a documentação ofical da Microsoft, não. O DirectX 12 só funciona no Windows 10. O Windows 8.1 fica limitado até a versão 11.2 da API.

2 curtidas

agradeço pela informaçao eu uso o windows 8.1 porque acho quase a mesma coisa que o win 10 alem de ser mais leve …

Só uma observação: o Windows 8.1 perderá o suporte extendido no dia 10 de Janeiro de 2023 e o Windows 10 no dia 14 de Outubro 2025.

sim eu sei … eu nao me importo muinto com suporte pois tem outro sistemas como windows 10 por exemplo e outros como manjaro que ja usei muinto!

Não há processador sem núcleos lógicos… Cada núcleo físico precisa estar ligado, necessariamente, a pelo menos um núcleo lógico. Processadores com HT/SMT ativo possuem dois núcleos lógicos por núcleo físico (o que, na realidade, é uma otimização de tarefas para manter os núcleos ativos de forma mais eficiente).

O QX6850 é um 4/4 e, apesar da arquitetura mais antiga, é muito mais potente que um E7400: UserBenchmark: Intel Core2 Duo E7400 vs Extreme Q6850. Nota: o UserBenchmark não é útil para comparações exatas (passa longe), mas serve para dar uma ideia do tamanho da diferença. E cabe ressaltar que nem toda placa-mãe LGA 775 suporta um Core 2 Quad.

Algo como o i3 6100 seria sim brutalmente mais rápido que ambos, mas essa plataforma também já foi descontinuada faz muito tempo e acho que dificilmente faria sentido investir nela. Sobre a arquitetura Skylake em si, ela trouxe melhorias evolutivas e não muito significativas se comparada à 4ª e à 5ª Gerações, apesar de ter adotado o padrão DDR4 para memórias (um i5 6600K, por exemplo, tem quase o mesmo desempenho do meu i5 4670K).

Eu fui com base no ark.intel. Lá não fala nada sobre a quantidade de núcleos lógicos, por isso da minha fala anterior. É… na versão em português do site não mostra, mas na inglês aparece. Incrivel!

1 curtida